sexta-feira, julho 14, 2006

As touradas

Ainda ontem passei eu os olhos por uns quanto canais de televisão quando me deparei com uma tourada, estive ali uns 2 minutos a olhar para o televisor, a pensar no quanto eu detesto touradas. Eu de facto gosto muito de animais, e ver os touros ali na praça a sofrer, onde as suas hipóteses de defesa são reduzidas (pois até as pontas dos cornos são tapadas) e entregue ao seu triste destino já traçado. Mas este post não é para falar na injustiça que eu atribuo ás touradas, mas sim para mostrar o pleno reflexo da nossa sociedade que encontramos nas touradas. Começando por baixo, temos os forcados, que são um grupo de, para ai, 10 pessoas, todos eles amadores, ou seja nem devem receber um tostão para ali estar, que usam vestes muito simples e pobres, e o trabalho deles é nada mais nada menos que enfrentar corpo a corpo e a pé meia tonelada de força bruta. E se á primeira não sai bem, repetem, e repetem… Depois temos aqueles (de quem não sei o nome) que andam lá com as capas a correr de um lado para o outro, já se vestem melhor, e já não entram em contacto físico com a besta, digamos que já são superiores. E eis que chegamos ao topo, aos cavaleiros, que usam umas vestes todas cheias de rococos (não confundir com o estilo de construção do sec XVII) e andam a cavalo, sim, que a pé aquilo cansa, e ainda por cima recebem um cheque chorudo por ali andar a passear os seus 2 ou 3 cavalos.

No fim, a maioria dos aplausos vai para quem… para o cavaleiro. As flores (ou os ramos maiores)… para o cavaleiro. É triste este mundo assim!

:

Blogger Cláudia pensou e escreveu...

Infelizmente estás num país onde a tourada é tradição!
E quanto à tua "piramide", também nunca Percebi porque é que o Cavaleiro recebe os louros todos!
Deve haver uma explicação qualquer.
Beijino grande

11:38 da manhã  
Blogger Pipokka pensou e escreveu...

Eu sou MESMO CONTRA AS TOURADAS!Tadinhos dos bichinhos...
quanto à pirâmide como lhe chamou a Claudia, só digo que só está lá quem quer!
Jokas

2:15 da tarde  
Blogger _+*A Elite in Paris*+_ pensou e escreveu...

Gostei mesmo MUITO deste post,a comparação entre os dois mundos esta demais! parabéns ! e beijokas cheias de Paz

10:52 da tarde  
Blogger mood pensou e escreveu...

Engraçada a tua analogia. Eu sempre levei mais a coisa para o desgraçado do cavalo. Ele é que faz o trabalho todo de ludibriar e conduzir o touro, leva com o touro em cima, como se já não bastasse levar a besta em cima dos ombros e no final as palmas vão é para o toureiro e para meia dúzia de cepos que resolvem atirar-se para cima do bicho como carne para canhão, sem inteligência alguma... Vida de animal..

12:51 da manhã  
Blogger Sandro pensou e escreveu...

Tudo nas touradas é triste...

12:45 da tarde  
Blogger Musician pensou e escreveu...

Nestes dias tenho pensado muito nisso, ainda hoje estive a conversar com uma pessoa sobre isso.
Doi tanto saber que ha pessoas que gostam de ver um animal sofrer :(
Como é possivel?

4:14 da tarde  
Blogger Mancholas pensou e escreveu...

Pensamento util: Boicote as touradas. Nao sei se ja perceberam mas estamos em pleno sec. XXI. Portugal precisa de sair da pre historia, para esses amanres da tourada.

10:06 da tarde  
Blogger yora pensou e escreveu...

visitem e comentem o meu blog conforme assim entenderem!

10:57 da tarde  
Blogger pisconight pensou e escreveu...

Eu nbão tenho nada contra as touradas, mas gostava que o touro fosse nmais vezes contra eles...
;)

5:42 da tarde  
Blogger Isabel-F. pensou e escreveu...

Tens razão...concordo contigo...


mas... sabes... gosto de ver esse espectáculo...

aqueles que andam com a capa na arena são os bandarilheiros ...

bjs

1:21 da tarde  
Blogger Alien David Sousa pensou e escreveu...

Assassinos à solta. A policia sabe onde os encontrar e não faz nada.
É assim que eu vejo as Touradas.

11:48 da tarde  
Blogger Lucas pensou e escreveu...

é realmente touradas não são coisa muito justas...gostei do seu blog
vou colocá-lo em meus links
www.outros-sonhos.blogspot.com

3:28 da manhã  
Blogger Debaixo do Bulcão pensou e escreveu...

Quando eu era pequeno o meu pai levava-me a ver touradas e eu acabava por me aborrecer com o "espectáculo". É que nem era contra, era mesmo não ver o interesse daquilo.
Mas (eu sou um chato do caraças nestas coisas...), vejo que agora anda por aí uma "nova" espécie de espectáculo "bárbaro", chamado "wrestling" e ninguém diz nada sobre isso.
Gostava de saber a opinião dos que criticam as touradas.
É que, se formos a ver bem, os argumentos anti-tourada podem aplicar-se a esse "novo" negócio.
Não acham?

(Atenção: estou só a dar a minha opinião. Como afirmei logo no princípio, não sou nada defensor de touradas, nem quero ofender os que são contra, ok?)

António Vitorino

5:23 da tarde  
Blogger Ninja pensou e escreveu...

sr António Vitorino, no Wrestling, tal como no Boxe, no karaté ou noutro tipo de luta qualquer, quem lá está são pessoas que pensam por sí próprias e estão lá voluntariamente. Se querem lá estar que estejam não tenho nada contra, em relação às touradas já acho precisamente o contrário pois está-se lá a sacrificar um animal sem obviamente opção de escolha.


Quanto ao facto de as touradas se passarem a cavalo e pé tem uma razão histórica. É que historicamente o nobre fazia a tourada a cavalo, enquanto o povo a fazia a pé pois não tinha posses para ter um cavalo, e isso evoluiu para as touradas de hoje. Também acho ridículo que o cavaleiro seja quem recebe o dinheiro, e os maiores louvores, visto que são os forcados quem mais arrisca, e mais tem a perder, mas eu estou sempre do lado do touro em cada tourada.

Bom ano a todos

2:31 da tarde  

Deixar um pensamento útil e bonito sobre isto

<< Home